quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Caso resolvido

Confesso que não percebo determinadas reacções, um pouco por toda a minha direita, à “liquidação” do Jornal Nacional da TVI, apresentado às Sextas pela MMG.

Foi, de facto, um verdadeiro hino ao bom senso que a Prisa proporcionou aos telespectadores portugueses.

Pensar que Sócrates deu ordem para sanear a suposta “jornalista” MMG a 20 dias das eleições, parece mais um guião de uma qualquer comédia em cena no Parque Mayer. Só pode.

Haverá, certamente, muito por onde criticar este governo. Mas a este nível, não creio ser, objectivamente, o caminho mais correcto.

Admitamos, por isso, que a Prisa tenha escolhido apostar na credibilidade da estação em alternativa à tentação de ceder ao poder das audiências.

Talvez o Mário Crespo tenha encontrado a colega ideal para a escrita dos seus artigos...

Nenhum comentário: